Rede de polietileno

Atualmente, a instalação de tela de proteção para gatos onde comprar é fundamental para garantir mais segurança em áreas com janelas ou varandas em apartamentos e sobrados.

A instalação desse tipo de rede propicia maior segurança para crianças e animais de estimação em apartamentos e residências que possam apresentar outros tipos de riscos de quedas de pessoas, animais e objetos.

Mas, na hora de escolher a melhor rede os consumidores podem ficar na dúvida se compram o material feito com poliamida ou polietileno.

Quais redes de proteção escolher?

redes-de-proteção-polietileno

Para quem procura as melhores alternativas para ter mais segurança em janelas comuns e em varandas, as principais escolhas se concentram entre a poliamida e o polietileno.

Lembramos que essas duas referências de material são compostos químicos distintos que são utilizados na composição da rede.

Geralmente, o material feito de polietileno tem um aspecto plástico, porém, esse tipo de rede é impermeabilizada e forte contra a ação do tempo e do desgaste.

Mesmo tendo aparência plástica, o polietileno apresenta a mesma resistência à tração que o aço, sendo sete vezes mais leve que esse material. Esse material é ótimo para sacadas e janelas.

Por outro lado, a poliamida, muito conhecida no mercado no “Nylon”, se parece mais com um tecido. Porém, a poliamida é resistente às ações do tempo e não é impermeável.

Investir em poliamida pode ser ruim por ser um material com baixo nível de durabilidade com vida útil mais curta em comparação com o polietileno.

Mesmo sendo usada em janelas e sacadas, a poliamida é mais adequada para ser usada em ambientes internos.

Comparando Polietileno e Poliamida (Nylon)

Ressaltamos a durabilidade e a composição de cada tipo de rede. As redes de proteção podem ser fabricadas com poliamida (Nylon) ou polietileno.

Para áreas externas, o polietileno tem aspecto plástico e conta com alta resistência ao desgaste por ser impermeável, tendo a mesma resistência de tração que o aço.

A poliamida é semelhante a um tecido com baixa resistência para segurar o peso de objetos ou de pessoas em caso de quedas, além da baixa durabilidade, pois a poliamida não é impermeável, podendo absorver água e impurezas, adquirindo com o tempo um aspecto sujo e pesado.

Mesmo sendo usada em janelas e sacadas, a poliamida não funciona perfeitamente como rede de segurança, sendo mais indicada para ambientes internos como cercado.

Exigências

A fabricação de redes de segurança segue normas estabelecidas. A Norma Técnica Brasileira determina que as redes de proteção não podem ser de material reciclado.

As redes de segurança precisam ser resistentes à propagação do fogo, suportar temperatura máxima de 50 graus Celsius e não se desgastar facilmente à pressão longitudinal e transversal de 500 N/malha.

Por que utilizar rede de segurança?

rede de polietileno

Atualmente, com a elevação de edifícios e condomínios com edificações cada vez mais altas, as famílias buscam mais segurança nas janelas, sacadas e varandas de seus apartamentos.

Mesmo em edificações mais baixas, proprietários em moradores de imóveis também procuram instalar as redes de segurança e proteção para evitar quedas de objetos e pessoas.

Sabemos que a segurança é um assunto sério é importante ter certeza de que você está instalando um sistema eficiente para propiciar maior segurança.

Na hora de escolher a rede certa, é importante verificar os melhores modelos de rede disponíveis e quais podem ser utilizados para a proteção.

Existem muitos modelos de rede disponíveis, mas o consumidor  deve escolher quais podem ser utilizados para proteção correta e verificar como proceder para instalar redes de proteção em condomínios e apartamentos.

O que são redes de proteção?

Esse tipo de rede é feita por um conjunto de malhas entrelaçadas, não metálicas. A principal função é proteger as pessoas contra o risco de queda. Podendo proteger também animais e objetos.

Geralmente, as redes devem garantir no mínimo três anos de inflexão da rede. Depois de três anos, as redes devem ser trocadas para manter a qualidade e a segurança.

A durabilidade do material pode alcançar oito anos de uso, principalmente, quando há baixa exposição à luz do sol.

Onde são utilizadas as redes de proteção?

Seja em ambientes públicos ou privados, esses tipos de telas de proteção são muito instaladas em janelas, parapeitos, sacadas, mezaninos, escadas, varandas para evitar a queda de pessoas, animais e objetos.

Podendo ser utilizadas também na construção civil para evitar acidentes de obra e em edifícios.

Indicações

As redes são indicadas para famílias que possuem filhos com menos de doze anos de idade, animais de estimação e objetos pesados nas janelas como vasos de plantas.

Sabemos que é comum acontecer o risco de uma pessoa esquecer uma janela aberta, ou da criança abrir a janela.

Pessoas que possuem crianças em casa ou que costumam receber visitas de crianças precisam instalar redes de proteção nas janelas e sacadas.

Uma rede de polietileno, apresenta, possui resistência de 50kg por malha e 350kg/m.

Redes com cores

Para quem não gosta de redes muito escuras, pode escolher redes em cores. Porém, é importante consultar o síndico do prédio para verificar se a fachada do prédio permite outras cores.

Mas, se o edifício não possui nenhum tipo de padrão, o consumidor pode observar quais cores estão sendo usadas pelos outros moradores.

Existem nove tipos de cores presentes nas redes: branca, preta, prata, cristal, marrom, azul, verde, amarela e areia.

Conclusão

Portanto, existem diferentes marcas e níveis de resistência que o consumidor deve escolher na hora de escolher uma rede para dar mais segurança a sua janela ou varanda.

Porém, é fundamental fazer a instalação desse material com a ajuda de um técnico na área. O importante é que o acabamento seja harmonioso com as cores da janela e das paredes da varanda.

É importante ter noção sobre o andar no qual o consumidor mora, tamanho da janela, o uso e frequência de crianças no apartamento e quais tipos de animais ou objetos costumam ficar perto da janela ou na varanda.

Cuidar da própria segurança e das outras pessoas dentro de um apartamento é fundamental.